Tabaco: aumenta o imposto e estende-se aos cigarros eletrónicos, rapé e tabaco de mascar

Aos produtos sobre os quais incide o imposto sobre o tabaco junta-se na proposta de orçamento do Estado de 2015 os “Líquidos contendo nicotina, em recipientes utilizados para carga e recarga de cigarros eletrónicos, 30 ml“. Na prática, os cigarros electrónicos alimentados pela nicotina líquida passam assim a pagar impostos sobre o tabaco, apesar de objetivamente serem um sucedâneo. A base de incidência do imposto sobre o tabaco abrangerá também o rapé, o tabaco de mascar e o tabaco aquecido.

Em termos gerais registar-se-á novo aumento dos impostos sobre o tabaco e o álcool.

Mais detalhes aqui => Proposta Orçamento do Estado 2015 e Relatório do Orçamento do Estado 2015

Em atualização

Tagged under:

Deixar uma resposta