Quanto vou receber de subsídio em novembro? (Simulações)

A Agência Lusa divulgou hoje um conjunto de simulações produzidas pela PwC relativas ao valor do subsídios a receber em novembro pelos funcionários públicos e reformados da CGA.

O valor será significativamente inferior ao habitual subsídio de natal desde logo porque haverá um acerto no IRS relativo a todo o ano que se fará no momento de pagamento do subsídio e porque alguns já terão recebido uma parte do subsídio no momento habitual (em junho / julho). Note-se que o subsídio de natal tem vindo a ser pago em duodécimos e que este subsídio a pagar parcialmente em novembro é o subsídio de férias (reposto por decisão do tribunal constitucional)

Resumimos a informação encontrada nos media na tabela que se segue:

Funcionário PúblicoPensionista da CGA
Rendimento BrutoSolteiros ou casados (2 titulares)Solteiros ou casados (2 titulares)
800351,45367,78
1000548,15595,26
1250749,90652,49
1750886,701018,47
2500982,00776,15

Este texto foi atualizado.

Tagged under:

4 Comentários

  • João SilvaResponder

    FILHOS DA PU!!!

  • Manuel FreitasResponder

    Realmente um sujeito anda 36 anos a fazer descontos para a sua aposentação, cujo Patrão (Estado) não fazia tais descontos que lhe competiam, para chegar a determinada altura da sua vida e verem-lhe ser feitos descontos disparatados, para pagar as asneiras de determinados Políticos, que se fartaram de roubar dinheiro dos cofres do Estado, para eles e para os amigos, com contratos sempre elevados à quarta potência, para ficar para eles e para os capangas, só espero que estes pelo menos n
    ao roubem nem burlem tanto como os outros que por lá passaram. Manuel Freitas

  • MANUEL BRANCO FERREIRAResponder

    MAS POR QUANTO MAIS TEMPO VAMOS ATURAR TODAS ESTS BESTEIRAS.
    DEIXOU DE HAVER MUSCULATURA EM EPORTUGAL?

  • IsabelResponder

    Estas pessoas são mesmo canalhas, pulhas, gente sem escrúpulos e realmente ninguém está mais segura em relação àquilo que temos ou que vamos ter!!!
    Isto agora é assim… tiram o que querem quando querem e parece que só vai piorar… como é possível que tudo isto aconteça impunemente? Não há maneira de pôr este 1º ministro em tribunal por fraude e roubo?!

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.

NOS