Economic Outlook da OCDE – primavera 2013

As expectativas económicas da OCDE apontam para indicadores mais negativos do que os recentemente antecipados pelo governo e Comissão Europeia para os anos de 2013 e 2014 em termos de crescimento económico. Espera, por exemplo, que a dívida pública continue a crescer a ritmo elevado atingindo os 132,1% já no próximo ano. A recessão para 2013 deverá aproximar-se dos 3% (2,7%) enquanto que para 2014 o crescimento agora previsto é marginal, de apenas 0,2% e largamente suportado na esperança de que ocorra uma aceleração muito significativa das exportações.

Quanto à taxa de desemprego, esperam-se novos recordes devendo atingir os 18,2% este ano e os 18,6% em 2014.

Quanto à inflação a expectativa é de que Portugal entre em deflação já este ano (dependendo do indicador os preços registarão uma variação de 0,0% ou de -0,4%) mantendo-se muito baixa ou mesmo nula em 2014.

Pode encontrar aqui a edição completa do Economic Outlook hoje divulgad pelo OCDE: OECD Economic Outlook.

Encontrará informação específica sobre Portugal na página 154 e seguintes.

OECD Economic Outlook, Volume 2013 Issue 1 | OECD Free preview | Powered by Keepeek Digital Asset Management Solution

Tagged under:

1 Comentar...

  • Abilio VilariçaResponder

    Cada vez mais divida e mais desemprego e mais estagnação e desespero e continuam as mesmas políticas que estão a dar tão maus resultados. Com os mesmos ingredientes obtêm-se sempre os mesmos resultados. Basta!

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.