Turístas brasileiros, britânicos, holandeses e franceses dinamizam forte crescimento do turísmo português

Há cada vez mais turístas  brasileiros, britânicos, holandeses e franceses a visitar Portugal. Segundo dados que o INE acaba de revelar estas quatro nacionalidades representam 40% das dormidas feitas por não residentes em território nacional. Note-se que, apesar de tudo, o turísmo português não está aboslutamente depdnente de um número muito restrito de países, afinal de contas há ainda 60% das dormidas por explicar. Esta é, sem dúvida, uma das boas notícias do dia, ora atente-se nas breves frases que iniciam o destaque do INE (clique aqui para aceder a mais detalhes).

“No mês de Agosto de 2011 os estabelecimentos hoteleiros registaram 6 milhões de dormidas, mais 5,6% do que no mês homólogo do ano anterior. Para este resultado contribuíram os não residentes (+9,8%), principalmente os mercados brasileiro, britânico, holandês e francês que, em conjunto, representaram 40% das dormidas de não residentes e cresceram 17,2% relativamente a Agosto de 2010.
Os proveitos totais atingiram 301,8 milhões de euros e os de aposento 224,2 milhões, correspondendo a acréscimos homólogos de 6,2% e 6,8% respectivamente. “

Tagged under:

Deixar uma resposta