No ano em que a população diminui, número de naturalizações bate recorde

Ainda há dias aqui demos nota das Estatísticas Demográficas de 2010 que indicavam a primeira queda efectiva no número de pessoas a residir em Portugal.

Agora temos nota de que  Portugal foi, em termos relativos, o país que naturalizou mais cidadãos (em 2009) no espaço da União Europeia. Parece que não será por Portugal complicar excessivamente as naturalizações que a população residente está em queda.

Natalidade, atractabilidade para novos imigrantes e estímulo à emigração parecem ser os principais suspeitos. Aguardemos pelos dados do recenseamento para melhor se compreender se estamos de facto perante uma combinação de reforço do êxodo com queda de natalidade.

Tagged under:

Deixar uma resposta