Conheça as novas medidas de austeridade para os próximos anos (act.)

Eis a apresentação feita hoje pelo Ministro das Finanças apresentando as novas medidas de austeridade 2011 – 2013 (apresentação em Power point – 17 slides.

Compilação feita tendo por base artigos do Diário Económico , do Jornal de Negócios  e da apresentação do Ministério das Finanças :

Com impacto no Despesa :

– Congelamento do Indexante de Apoios sociais (IAS) e das pensões;

– Corte das pensões acima dos 1.500 euros seguindo de perto os cortes salariais;

– Redução de custos com medicamentos e sub-sistemas públicos de saúde;

– Maior racionalização da rede escolar;

– Ganhos de eficiência no aprovisionamento e outras medidas de controlo de custos operacionais na Administração Pública;

– Redução da despesa com benefícios sociais de natureza não contributiva;

– Redução de custos no Sector Empresarial do Estado e Serviços e Fundos Autónomos com reduções das indemnizações compensatórias, dos planos de investimento e dos custos operacionais;

– Redução de transferências para autarquias e regiões autónomas;

– Redução do investimento público por via da despesa de capital.

Com impacto na Receita:

– Limitação dos benefícios e deduções fiscais, designadamente em sede de IRS e IRC (a implementar já a partir de 2011;

– Alterações à estrutura das taxas do IVA;

– Actualização dos impostos específicos sobre o consumo;

– Conclusão da convergência no regime de IRS de pensões e rendimentos do trabalho;

– Controlo de facturas e cruzamento de declarações de volume de negócios com pagamentos automáticos.

6 comentários sobre “Conheça as novas medidas de austeridade para os próximos anos (act.)

  1. Onde estão:
    -o aumento da tributação das mais-valias?
    -a proibição de acumulação de pensões e reformas com ordenados?
    -o aumento da tributação fiscal das empresas cotadas em bolsa?
    -a regulação mais inerventva das actividades bancárias pelo Banco de Portugal, de acordo com os objectivos da Política Económica?
    -o combate aos monopólios naturais?
    -a justiça a funcionar em defesa dos interesses do País?

    Algumas perguntas são fáceis de responder, outras requerem algum treino económico…

  2. ah..pois é?
    não ouvi nada sobre o corte nos salários dos gestores, dos seu prémios…mas reformas milionárias, acabar com as fundações, com entidades publicas que apenas dão despesa..taxar os bancos..querem mais???

  3. ah..esqueci-me….as fortunas que estão nos paraisos fiscais??as despesas dos ministérios….quando é que o governo tem a coragem de mostrar todas as continhas..?
    pois..pq somos nós que contriuimos para tudo..as ajudas a certas empresas publicas..contratos milionários que deixam para nós as contas a pagar…os dez estádios que construiram??? quem os pagou???para quê???os deputados que têm mais que um emprego?? o que estão lá a fazer? a ler o jornal ??? a terem ajudas de custo fraudulentas? certos grupos de empresas que fojem ao fisco?? e as pequenas e médias empresas é que pagam tudo??? gostava de ter respostas…..

  4. Será que ninguém v~e que este país está falido?????? desta vez não vai ser com cravos…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.