Taxas de juros dos depósitos a prazo em alta (act.)

Tal como aqui havíamos antecipado  em “Melhores Depósitos a Prazo em Junho“, desta vez foi a redacção do Jornal de Negócios que foi constatar a evidência consultando 15 bancos a operar em Portugal e confirmou que as taxas de juros estão a subir para os depósitos a prazo a um ano (rondam os 1,7% brutos, em média, segundo o jornal).

 Na realidade o movimento parece ser mais abrangente devendo integrar em breve aplicações pelo menos até aos 5 anos, um prazo que o presidente do IGCP afirmava há dias desconhecer ter oferta em termos de depósitos a prazo.

Continuamos a actualizar regularmente a nossa página de referência (exclusiva para depósitos não promocionais) sobre a oferta de depósitos a prazo existentes em Portugal. Em breve procuraremos incluir um comparativo actualizado frequentemente para várias maturidades. Para já o convite é para que pesquise por si mesmo, comparando sempre condições de resgate, montantes mínimos e taxas efectivas.

Ainda esta semana publicaremos um artigo sobre os spreads, onde procuraremos desmontar  frases como “Os Spreads têm que subir”. Entretanto parece que vem outra polémica a caminho: “Governo exige conhecer juros de poupanças de todos os cidadãos“.

Mas até lá, bons negócios!

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.