Exportações mantêm-se firmes, importações desaceleram significativamente

A entrada de dados relativos ao mês de Setembro e a saída dos dados do mês de Junho nostrimestre que agora se analisa, em termos de Comércio Externo, dá excelente indicações quanto ao comportamento da economia nacional virada para o exterior.

Segundo os dados divulgados pelo INE há instantes, as exportações aumentaram 14,6% no trimestre terminado em Setembro face a igual trimestre do ano anterior (haviam crescido 14,9% em termos homólogos no trimestre de Junho a Agosto). As importações que haviam crescido 11,4% em termos homólogos no trimestre Junho-Agosto, registam agora um crescimento bem mais modesto: 4,0%.

Olhando concretamente para as exportações intracomunitárias destaca-se uma evolução negativa das importações no trimestre (-2,5%) e um nível de exportações a manter crescimentos acima dos dois dígitos (12,5%), destacando-se entre estas a colocação de fornecimentos industrias que cresceram 26,3%.

Neste momento o que exportamos paga 67,7% daquilo que importamos.

Tagged under:

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.