NOVO: Simulador de custos e rentabilidade para obrigações (CMVM)

A CMVM acaba de lançar um simulador completo para a determinação dos custos e rentabilidade de obrigações emitidas no mercado português. Deixamos aqui um excerto do comunicado que explica o potencial deste simulador bem como as respetivas ligações relevantes. Passará a ser mais fácil ao investidor perceber até que ponto a taxa base inicial anunciada, por vezes com grandes parangonas, se refletirá, de facto, num ganho de capital devido a esse investimento.

“(…) A CMVM visa, com este novo simulador, contribuir para o aumento do nível de informação e proteção conferida aos investidores não qualificados, disponibilizando uma ferramenta através da qual podem efetuar uma análise mais completa do custo efetivo envolvido na subscrição e manutenção em carteira das obrigações até à sua maturidade, bem como aferir a rendibilidade efetiva do investimento realizado.

Este simulador permite aos investidores calcular, para as emissões de obrigações de subscrição pública e durante o período em que decorre a oferta, a Taxa Interna de Rentabilidade Anual Líquida, com ou sem comissões de registo e depósito, bem como os montantes de juros a receber e o montante dos custos a suportar com diferentes tipos de comissões.

Os investidores poderão fazê-lo simulando a utilização de diferentes intermediários financeiros, diferentes canais de transmissão de ordens e para diferentes quantidades de obrigações.

As tabelas comparativas de custos permitem aos investidores dispor de uma forma expedita para comparar os encargos decorrentes da prestação do mesmo serviço por diferentes intermediários financeiros autorizados a colocar as emissões de obrigações junto de investidores não qualificados. (…)”

O simulador de custos e rentabilidade de obrigações colocadas em mercado primário, tal como as respetivas tabelas comparativas de custos estão disponíveis através dos endereços eletrónicos:

GOSTOU DO QUE LEU?
Então não perca nenhum dos nossos artigos.
Receba um EMAIL diário com os resumos:

.