Estar na Zona Euro ainda é positivo para a economia portuguesa?

Tinhamos deixado a prosa no artigo anterior “Quanto é que uma empresa portuguesa paga a mais face a uma alemã para obter um empréstimo?” perguntando: Haverá fontes de financiamento mais baratas para as empresas poderem concorrer num campo menos inclinado do que o recurso ao crédito bancário? E se houver como conseguirão os bancos dar … Ler mais

FMI defende mais flexibilidade na política de consolidação orçamental

Num estudo divulgado esta semana o FMI acrescenta detalhes à sua análise crítica do que se está a passar na Europa (e das consequências da política económica imposta pelos credores – de que faz parte) e cava a distância quanto ao que defende deve ser o rumo a seguir e aquilo que os restantes parceiros … Ler mais

O que interessa hoje saber como começou a crise? Talvez tenha uma surpresa

Recomendamos dois textos. Um de Pedro Lains, “Na sua análise do que está a acontecer…“, e outro de Ricardo Cabral “The Roots of the Euro Crisis Lie at the Doorsteps of the ECB”. Ambos ajudam a perceber as razões que provocaram o esmagador problema financeiro que nos afeta mas vão além disso, por um lado, … Ler mais

O fim ao virar da esquina: a estupidez matou o Euro

A ler “This Is The Way The Euro Ends” de Paul Krugman. Um excerto: ” (…) I believe that the ECB rate hike earlier this year will go down in history as a classic example of policy idiocy. We would probably still be in this mess even if the ECB hadn’t raised rates, but the … Ler mais

Desvalorização interna em Portugal: “É uma estratégia de alto risco.”

A ler Paul De Grauwe, conselheiro económico da Comissão Europeia ao Negócios em “Infelizmente, creio que Portugal está mais próximo da reestruturação“. Um excerto: ” (…) Portugal está mais próximo de uma reestruturação da sua dívida? Infelizmente, creio que está mais próximo, devido à recessão, a qual implicará rácios de défice e dívida superiores, forçando … Ler mais

Com candura e simplicidade: Os credores mandam no mundo? Nem por isso.

Mais um artigo muito útil e equilibrado de Martin Wolf no Finantial Times de ontem: “Creditors can huff but they need debtors“. Um excerto: “(…) Do creditors rule the world? Not really. In the short run, they can threaten to turn off the credit. But their surpluses depend on the willingness and ability of others to run deficits. It would be … Ler mais

A ler: As verdadeiras razões para a crise do euro

Via Paul Krugman chegamos a esta sugestão de leitura: “What Really Caused the Eurozone Crisis? (Part 1)” que recomendamos a todos. O artigo aborda em termos cronológicos a evolução particular de alguns indicadores económicos, nos vários Estados da zona euro (Portugal incluído), analisando em concreto (mas não só), o saldo orçamental de cada Estado e o respectivo saldo da balança … Ler mais