Banco de Portugal prevê excedente comercial já em 2012 – Boletim Económico Inverno 2011

Eis o Boletim Económico – Inverno 2011  que o Banco de Portugal acaba de divulgar. Nele o Banco traça um cenário macroeconómico mais negro para os próximos anos do que os até aqui perspetivados para a economia portuguesa.

No quadro que a seguir se reproduz (clique na imagem para aumentar) extraído da publicação do Banco de Portugal podem-se apreciar as previsões efetuadas para alguns dos principais indicadores macroeconómicos para 2011, 2012 e 2013. Por exemplo, e para não destacar apenas os números esmagadoramente negativos, verifica-se que o Banco de Portugal espera que, já em 2012, a Balança de Bens e Serviços seja ligeiramente superavitária, 0,3% do PIB (uma alteração significativa face às previsões do Outono de 2011: -1,0% do PIB), antecipando que tal tendência se confirme com um reforço em 2013 (+2,4% do PIB). Para a Balança Corrente e de Capitais as previsões apontam para que ela entre em superavit em 2013 (+0,8%) sendo ainda negativa (-1,6%) em 2012 mas cortando o défice quase metade face à previsão do Outono (-3,1%).

Tagged under:

1 Comentário

Deixar uma resposta