Depósitos a Prazo no 2º semestre 2019

Quais os melhores depósitos a prazo no 2º semestre 2019? Quais superam a média global das taxas de juro de novos depósitos a prazo que ronda os 0,16% (!)? E quais conseguem remunerar acima da inflação dos últimos meses (variações homólogas de 0,4%)? E há algum depósitos que pague pelo menos o valor da inflação anual dos últimos 12 meses (0,9%)? Finalmente, como comparam os melhores depósitos a prazo com os certificados do tesouro e os certificados de aforro? Pode tirar todas as dúvidas e todas as teimas visitando a nossa página dedicada a Depósitos a Prazo recentemente atualizada com um ficheiro excel com 205 depósitos de 18 bancos a operar em Portugal.

No atual cenário de baixas taxas de juro (a ler, por exemplo “Certificados de Aforro pagam mais do que inflação e voltam a captar investidores“) a verdade é que deixou de se justificar proceder à atualização mensal ou mesmo trimestral do comparativo dos melhores depósitos a prazo. De facto, entre a data a primeira atualização com consulta nos 18 sítios dos bancos que têm oferta de depósitos e que temos vindo a acompanhar, realizada no final de janeiro e a realizada em meados de julho, as variações nas taxas de juro que identificámos são marginais. E predominara as descidas.

Ainda assim, há 86 depósitos que pagam, já depois de impostos, mais do que a média apurada nos novos depósitos de maio de 2019.

Há 34 depósitos que pagam uma taxa  anual efetiva líquida (TAEL) igual ou superior aos cerca de 0,4% da variação homóloga do índice de preços no consumidor.

Há 6 depósitos que remuneram, mais uma vez em termos líquidos, acima dos 0,9% da inflação média anual dos últimos 12 meses.

Dito isto, se o prazo de imobilização do dinheiro não for uma problema, os certificados do tesouro poupança mais, se mantidos durante os 7 anos de maturidade máxima, estão muito próximo do topo da hierarquia das aplicações de baixo risco que melhor remuneração oferecem.

Sem considerar qualquer eventuais bónus associado ao crescimento do PIB (que está previsto nas regras do produto caso o PIB atinja os 2% ou os supere), os certificados do tesouro têm um juro de 1,39% TANB (1,003% TAEL), o que os colocaria no top 6. Se retirarmos da equação os depósitos promocionais então os certificados do tesouro oferecem mesmo a melhor taxa, se mantidos durante os sete anos.

No já referido ficheiro excel apresentamos também, além de 205 depósitos, os certificados de aforro (0,67% TANB) e os certificados do tesouro divididos como se fossem sete depósitos distintos, um para cada ano adicional de manutenção do investimento (de 1 a 7 anos).

Completamos este artigo com um ranking do TOP 10 das melhores propostas do momento.

 

TOP 10 dos Depósitos a Prazo no 2º semestre 2019

 

BancoPrazoNome do DepósitoTANBTANLTipo de TaxaDepósito MínimoDepósito MáximoPerda de juros com mobilização antecipadaSó para novos capitais?
BEST3meses2% Novos Clientes21,440Juros pagos à cabeça2.50040.000N/ANovos clientes
Banco BIG3mesesSuper Depósito21,440Fixa50050.000NãoNovos clientes
Banco Carregosa3mesesGo Bulling Bem-Vindo21,440Fixa5.00050.00080%Sim
Banco Privado Atlântico – Europa3mesesBoas Vindas21,440Fixa50050.000N/ASim
BNI Europa3anos(s)Promocional 36 Meses1,61,152Fixa1.000N/ANão MobilizávelNovos clientes
ESTADO – IGCP7anos(s)Certificados do Tesouro Poupança Crescimento1,391,003Crescente (média de 7 anos)+Variável PIB1.0001.000.000100%Não
BNI Europa3anos(s)Promocional 36 Meses1,350,972Fixa1.000N/AMobilizávelNovos clientes
ESTADO – IGCP6anos(s)Certificados do Tesouro Poupança Crescimento1,250,900Crescente (média de 6 anos)+Variável PIB1.0001.000.000100%Não
ESTADO – IGCP5anos(s)Certificados do Tesouro Poupança Crescimento1,110,799Crescente (média de 5 anos)+Variável PIB1.0001.000.000100%Não
Invest3mesesChoice Novos Montantes1,10,792Fixa20007500050%Sim

Bons negócios!

Deixe um comentário

O seu email não vai ser publicado.