RECEBA O 'ECONOMIA E FINANÇAS' POR EMAIL: Clique => aqui e subscreva o resumo diário.

Governo propõe novos cortes no subsídio de desemprego, complemento solidário do idoso e RSI (atual. II)

[wp_ad_camp_1]

ADENDA: Este artigo atualiza o que abaixo foi escrito: Governo já não propõe corte do valor mínimo do subsídio de desemprego (pelo menos era assim há minutos…).

Segundo proposta de decreto-lei que o governo fez chegar aos parceiros sociais, apenas uma semana depois do Orçamento de Estado de 2013,  há novas propostas de cortes adicionais nas prestações sociais que se destinam aos elementos mais desfavorecidos da sociedade, a saber:

  • Corte do subsídio de desemprego em 10% descendo o valor mínimo de € 419,22 para € 377,30;
  • Corte do Rendimento Social de Inserção em 6% passando de um máximo de €189,5  para  € 178,15
  • Corte do Complemento Solidário para idosos em 2,25%.
  • A proteção no domínio da dependência de idosos eliminada sempre que  reforma supere os €600.

Segundo o Jornal de Notícias, cerca de 750 mil pessoas deverão ser afetadas incluindo-se neste grupo muitas das mais fragilizadas do país. Note-se que se estes cortes acrescerem aos já previstos na proposta de Orçamento do Estado de 2013, o subsídio de desemprego poderá descer para os €352.

Fonte: I Online, Jornal de Notícias e outros.

RECEBA O 'ECONOMIA E FINANÇAS' POR EMAIL: Clique => aqui e subscreva o resumo diário.



Artigos Relacionados

Top