Como Cancelar a Assinatura da Deco Proteste?

Como cancelar a assinatura da Deco Proteste? A pergunta tem sido recorrente e tem surgido na nossa caixa de comentários e em e-mails que nos são dirigidos, por vezes indiciando que há mesmo confusão entre o Economia e Finanças e a Deco Proteste. A explicação andará provavelmente entre a iliteracia funcional e alguma indexação no google que estará a baralhar os leitores.

Perante a sucessão de perguntas falta a essencial que abordaremos de seguida.

 

Como cancelar a assinatura da Deco Proteste?

O que recomendamos é que utilize os contactos que a própria Deco Proteste coloca à disposição (clique aqui para aceder) na sua página na internet.

Aí encontra contactos telefónicos e uma caixa de diálogo através da qual poderá colocar a sua questão escolhendo a opção a “Dúvida sobre a minha assinatura ou uma encomenda“.

Quanto ao contacto por telefone são indicados dois números dedicados a Assinaturas e encomendas:

  • Um número azul: 808 200 146
  • E ainda o 218 410 801 com o seguinte horário:

Horário de atendimento:  das 9h às 13h e das 14h às 18h (à 6.ª feira, encerra às 17h)

Se usar estes contactos e seguir a instruções recebidas deverá conseguir rescindir o contrato com a DECO Proteste. Se não o conseguir terá de recorrer a outros meios mas com baixa probabilidade o conseguirá deixando esse pedido numa caixa de comentários na internet.

181 thoughts on “Como Cancelar a Assinatura da Deco Proteste?

  1. É no minimo curioso este vosso post, apesar de o compreender bem. A verdade é que a “Defesa do Consumidor” são os maiores spammers nacionais que conheço e a transparência no processo de assinatura não é das melhores.

  2. O problema é mesmo não saberem ler. Quando fui assinante dessa revista estava lã escrito, claramente, que teria de enviar uma cartinha registada até 15 dias antes de terminar a subscrição.
    De qualquer modo a qualidade dessa publicação diminuiu muito ao longo dos anos, mandei cancelar a minha depois de ler várias análises mal feitas e com completo desconhecimento de causa a alguns productos.

  3. De acordo Nuno. Infelizmente, as práticas comerciais estão nos antípodas do que seria de esperar de uma Associação de Defesa do Consumidor.

  4. eu deixo aqui escrito para verem que nao fiquei muito contente com a deco e (menos ainda com a senhora que atendeu o telefone).

  5. Eu Alvaro venho por este meio dar fim a minha escrição por momenmto não ter emprego desde março tenho muita pena mas não dá para comer ,
    a minha assinatura, é Alvaro Menino com N;1967612-64..
    diga me o eide faser sem mais obrigada

  6. fico estupfacto pelo que acabo de constactar.
    quis e quero, cancelar a minha assinatura com a referida deco.
    pensei que a maneira mais prática seria através deste meio.
    puro engano.
    ao clicar no (como cancelar assinatura) verefico que não tenho forma de o fazer.
    aparece tudo o que na verdade não me interessa e aquilo que pretendo fazer não me dá acesso.
    assim e porque na verdade cheguei á conclusão que a mesma não é mais do que uma instituição que na minha opinião não tem qualquer tipo de interese, a não ser para aqueles que nela trabalham.
    aliás, sendo os senhores aqueles que reparam e criticam os que menos bem se comportam parece me que também os senhores poderiam simplificar a forma de anular a desvinculação da referida instituição.
    assim parece me bem mais simples cancelar o pagamento através da minha conta bancária.
    desiludido é a palavra que melhor encontro para demonstar o meu desagrado. PEDROPOMBO sócio 0909781-18

  7. OUREM 1O DE JULHO DE 2012 assunto..cancelamento de todas as assinaturas
    refe.######
    venho meio pedir o cancelamento das assinaturas das vossas publicaçoes ,com efeitosemediatos sendo que deixarei de ser vosso associado ,e nao pertendo voltar a ser conctatado pelos vossos servicos,nem pelos vossos parceiros soliçito tanbem a remoçao dos meos dados pessoais da vossa base de dados,e de terceiros que tenhao sido cumunicados,dacordo com o disposto na legislaçao em vigor, artigo 11da lei n.67/98de 26 de OUTUBRO uma vez que a legitimidade para a conservaçao desses dados cessa com o cancelamento da assinatura a autorizaçao de debito em conta sera opurtunamentere vogada sem outro assunto..
    com os melhores comprimentos
    LUIS FILIPE GONÇALVES OLIVRIRA MAIL PARA RESPOSTA ######@gmail.com

  8. Caldas da Rainha 27/7/2012

    assunto: cancelamento de todas assinaturas ref.********

    Venho por este meio pedir o cancelamento da(s) minha(s) assinatura(s) da(s)vossa(s) publicação(oes),com efeito imediato sendo que deixarei
    de ser tambem vossa associada por motivos financeiros, não tendo disponibilidade financeira para pagar mensalidades.
    Irei oportunamente cessar a autorização por debito bancário. agradeço resposta muito breve obrigado (email para resposta *******@sapo.pt)
    sem outro assunto…
    com os melhores comprimentos
    Ana ****

  9. Ana nada temos a ver com a DECO e como tal não tratamos de cancelar assinaturas. Contacte diretamente a organização de que é sócia. Obrigado.

  10. Sócio nº. #####
    Lamento, mas solicito que seja considerado, a partir desta data, o cancelamento da minha condição de associado e correspondentes assinaturas das vossas revistas.
    Com os meus cumprimentos

  11. Associado? Não temos associados no Economia e Finanças Ramiro. Deve estar a fazer confusão.

  12. venho por este meio comunicar a minha anulacao da assinatura da deco por motivos financeiros numaro de socio 1978826-26

  13. Deve estar a confundir-nos com alguma revista que subscreveu através de publicidade que encontrou no nosso sítio vitor.

  14. Venho por este meio encerrar a minha inscrição de sócio, neste momento
    encontro me desempregada e tenho pagamentos em atraso,neste caso vou dar ordens para cancelarem o pagamento atravez da conta bancária. Desde já agradeço a vossa colaboração

    atentamente

    Adelaide Moreira

  15. Maria dirija-se à Deco Proteste. Nós temos publicidade deles mas nada temos a ver com a gestão de assinaturas. Basta ler o artigo que comentou.

  16. É fantástico ver a burrice que há neste nosso Portugal….Depois de ver estes comentários uns atrás dos outros só me resta concluir que o Sr. Pedro Passos de Coelho é a pessoa ideal para governar esta gente… Um burro a governar burros…..Infelizmente também sou um dos burros que está a ser governado, mas felizmente não coloco comentários estupidamente estúpidos num site que nada tem a ver com a DECO para cancelar assinatura..

    Já agora…..

    Venho por este meio encerrar a minha inscrição de sócio, porque neste momento deixei de ter um cérebro funcional e não consigo perceber que este site não é da DECO e que nada tem a ver com a organização.
    Obrigado pela atenção e espero não receber mais contas da DECO para pagar. 😉

    Só da vontade de chorar e rir ao mesmo tempo.

  17. Coisa mais estúpida… cancelei a autorização de debito em conta da Deco ha dois meses, pensando que assim podia desvincular-me da empresa, tal como se faz, por exemplo com os seguros, e não é que hoje constacto que continuam a debitar-me o valor da mensalidade sem minha autorização…
    Vou reclamar à “Deco”.

    Enfim.

  18. Nos seguros agora o cancelamento faz-se com o incumpriemnto do pagamento, ou seja, com o débito direto cancelado eles não conseguem cobrar e cancelam imedatamente o seguro.
    Com o resto o ideal é seguir o contrato, ou seja, telefonar e avisar da intenção de cancelar ou enviar uam carta registado (depende dos serviçso contratadso). Com a DECo creio que basta telefonema para linha de assinaturas. Em todo o caso, nunca lhe deveria ter sido debitado o valor e aí a culpa (se já cancelou de facto o débito direto) não é da DECO (que não foi por si informada que queria cancelar e portanto, muito naturalmente, tentou cobrar) mas sim do banco que ignorou a sua ordem expressa de cancelar o débito direto. É o banco é que lhe deve explicações.
    Cumprimentos.

Deixar uma resposta