O dinheiro, sempre o preço do dinheiro

O preço do dinheiro. Em mais uma semana de excitação em torno da evolução esperada para as taxas de juro na Zona Euro – é semana de reunião no BCE – procedi à revisão da cábula sobre a oferta de depósitos a prazo pelos bancos nacionais que está permanentemente disponível no menu de topo do Economia & Finanças (mais concretamente aqui).

Desde o passado mês ocorreram algumas revisões em alta nas instituições mais reactivas ao andamento do mercado financeiro e por isso recomendo vivamente a quem tenha interesse em investir nestas aplicações tradicionais em ir acompanhando esta realidade e em ir reagindo de acordo, no seu próprio interesse. Seja fiel ao melhor negócio.

Entretanto, a expectativa do mercado antecipada pela Euribor a 12 meses aponta para um valor de referência em torno dos 4,5% o que sendo interessante para o aforrador é um alerta para quem está do outro lado da transacção implícita que faz mover este mercado.

GOSTOU DO QUE LEU?
Então não perca nenhum dos nossos artigos.
Receba um EMAIL diário com os resumos: